Emissão de carteira de identidade supera expectativas e Câmara faz ‘live’ para tirar dúvidas

Parceria da Câmara Municipal com o ITEP e a FECAM, a emissão de carteiras de identidade superou todas as expectativas e esgotou o limite de 100 cédulas, cedidas pelo ITEP, em três dias.

Projeto da Mesa Diretora sob o comando do presidente João Batista Fernandes de Carvalho (Batista de Zé de Cícero, do Republicanos) com apoio dos demais vereadores, a emissão de carteiras de identidade é uma realidade e veio com o objetivo de oferecer comodidade aos cidadãos do município.

Para esclarecer e tirar dúvidas, ontem mesmo foi feita uma transmissão ao vivo, pelo instagram, para levar o máximo de informação sobre o serviço oferecido pela Câmara.

Na live, apresentada pelo repórter Anderson França, a responsável pelo setor, Izabelly Araújo, disse que a procura pelo documento aumentou (e muito), mas a entrega das cédulas é limitada pelo ITEP e por isso, que o agendamento foi suspenso temporariamente até atender a demanda atual “assim que tivermos a autorização do órgão (ITEP), e a liberação de mais cédulas de identidade, iremos anunciar, inclusive com um cronograma definido para atender as pessoas dos distritos e comunidades”, adiantou Izabelly.

O eletricista Antonio Ferreira de Lemos (Tonheira), foi o primeiro idosos a buscar o serviço e parabenizou a Mesa Diretora pela iniciativa. O prefeito Nixon Baracho, o vereador Chico do Bode, também fez a segunda via do documento na Câmara Municipal e elogiaram a iniciativa. Um detalhe: As pessoas que fizeram o documento receberão já na próxima semana.

A primeira via do documento é gratuita para quem nunca fez e para os maiores de 60 anos. Crianças a partir dos seis meses de vida, já pode fazer ter o documento.

Documentos necessários para a 1ª via: Certidão de nascimento ou casamento originais ou cópia autenticada; CPF; 02 fotos 3×4 de frente, recente e dentro dos padrões solicitados; comprovante de endereço e o NIS.

Documentos necessários para a 2ª ou 3ª via: Certidão de nascimento e/ou casamento originais (ou cópia autenticada); RG; CPF; PIS, PASEP; 02 fotos 3×4 de frente, recente e dentro dos padrões solicitados; comprovante de endereço e o NIS.

A primeira via é grátis, a segunda via custa R$ 25 e a terceira via o valor é R$ 35.

Para o presidente da Casa, vereador Batista de Zé de Cícero, o mais importante é oferecer facilidade e comodidade e encurtar a distância “para que o cidadão possa ter um serviço sem a necessidade de deslocar para outras cidades”, finalizou o parlamentar.


Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *